26.9.06

CONTROVERSOS

(para o meu grande amigo Oswaldo Carvalho)

Eu gosto disso, ele não.
Burro!
Uns votam nele, eu não.
Imbecis!
Pensam que sabem o que é bom pros outros,
nesse mundo de tantos,
e diferentes,
nem sequer parecidos.
Mas se quer parecidos.
Embora quem goste do que todo mundo gosta coma bosta,
e quem tem visto o erudito é que é sabido.

Mas ninguém no espelho vê além,
que é dentro.
O ridículo em si.
Como a pobreza de versos generalistas,
e outras óbvias ironias.

Já eu sei bem o que é bom.
Aos outros combato com opinião.
Porque silêncio na mesa de bar não dá,
e usarei exclamação!
Socos de argumento para levar o adversário ao chão,
dando-me conta ou não.
Sendo-o eu ou não.

Ah, que bom seria
se expandisse mais a minha ira
até o ponto de odiar odiar.
Talvez sentisse aí
a simplicidade de aceitar...
que pregaria aos poucos,
como vício,
a cada louco que me ouvisse.

^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^
Aí vai um da minha primeira safra, achei apropriado ao momento de contradições...

Você já passou no Blog de 7 Cabeças hoje? Clique aqui

21 comentários:

moacircaetano disse...

forte e imperativo!

GIOVANNA disse...

você acertou na mosca.O problema das pessoas é que não sabem opinar e impor opiniões,até porque,muitos não as tem. Vejo pessoas revoltadas e sem argumentos.Grande texto!
Ah,adorei sua idéia sobre os textos de liberdade,fraternidade e igualdade. O que você acha de fazer um e eu faço o outro?posso colocar seu blog em meus links?

GIOVANNA disse...

Que ótimo,vamos ao trabalho então!!!! Acho que prefiro fraternidade,pois já falei muito sobre liberdade em meu site.Eu adoro Niettzsche então acabo sempre falando sobre liberdade.
Até mais,

beijos

Rayanne disse...

Ah! Tão propício ao momento, à eleição, ao silêncio, à ausência da ausência, um basta, um não. Todos tão cansados. Restam palavras a duelar atitudes.

**Estrelas**

Keila Sgobi disse...

Hahahahaha!!!
Serve discussão com aluna?

Sou de chutes e ponta de pés,
mas,
se a briga não vale a pena
vale ouvir toda a alma
pra que a nossa não se torne
pequena...

Múcio Góes disse...

abre a camisa, estufa o peito, soca o ar! precisamos disto: força para ser!

Tiro no centro do alvo!

[]´s

Marcellinha disse...

É, realmente muito propício, a esse momento e a tantos outros também. Estamos sempre nos indignando, e sempre com tanta propriedade.
Bjs

Fernando Palma disse...

Olá Leandro!
Que tal inverter: pregar paz e bem estar por ai, e assim encontrá-los para si?
Realmente, silencio em mesa de bar não dá...deveria ser crime!

Um abraço!

diovvani disse...

Os olhos
são para
o espelho.

O OlhO

é para ver
além das migalhas
das frestas.

Abraço das Minas.

pedro pan disse...

, quem não tem argumento já começa perdendo...
|abraços meus|

Luzzsh disse...

Oi querido Jardim,

Hummm...muito bom!... me fez pensar no 'Poema em Linha Reta' do Pessoa....

Preciso dizer da honra de fazer parte de 'paisagens especiais'...obrigada...

Meu coração também já está cativo há tempos entre "flores, pragas e sementes"...

Beijo...

Mary disse...

Pegue a vida, a ira e os versos e leve-os para mesa de bar! :)

bjus!

tici disse...

silêncio em mesa de bar não pode haver! mesmo mesmo!
bom esses controversos!
beijo!

A czarina das quinquilharias disse...

uau. intenso. dá até pra ver os socos na mesa...
bjo!

Oswaldo Carvalho disse...

Meu amigo, um cara falante como eu nunca sabe se está sendo chato ou não. O seu poema é bonito demais e a dedicatória me orgulha e me conforta. Se eu fosse poeta, deixaria um poema de agradecimento. E de parabéns, pela assiduidade e pelo talento!

vanessa_fmc disse...

"Muito propício o momento
E, em sua propriedade, invento
Que também sei do melhor
Mas se sei ou não sei, major
Só descobrirei adiante
E é provável que errante"

Estou imaginando você e o seu amigo na mesa do bar...rs...

Beijos de parabéns!

ana rüsche disse...

oi, Jarchdim!

acho que a raiva e o conteúdo explosivo estão legais, mas talvez dê para enxugar um pouco, tirar umas gorduras aí. No mais, agrada a galera, como vc pode ver.

beijinho

nagila disse...

Relaxa
tempo não tem
taxa

(Haicai de Domingos Pelegrini)


Leandro você conhece este poeta

Bons adoro os dois deviam se conhecer

Aline disse...

Visceral!

:**

Juliana Pestana disse...

Que forte isso!!
Senti propício nesse momento de eleições e tantas discussões!!
E muita exclamação siiiiiiim!!

Bjos.

Ellemos disse...

Uma porrada oportuna!

Beijos!